Tratamento de Canal

O tratamento de canal é normalmente indicado quando existe algum tipo de alteração na polpa do dente, que podem ser:

  • Pulpite: processo inflamatório irreversível

  • Necrose: Perda de vitalidade e pode haver presença de secreção purulenta (pus).


O não tratamento pode fazer o processo evoluir, causando reabsorção óssea (que pode até comprometer outros dentes), dor aguda e perda do dente em questão.


Ele consiste basicamente em esvaziar os condutos radiculares (originalmente ocupados por um tecido vásculo-nervoso inflamado em caso de pulpite ou restos necróticos em caso de necrose), dilatar as paredes desse sistema de canais, raspando a dentina contaminada e fazendo preenchimento tridimensional de forma hermética, ou seja, sem deixar espaços vazios para não haver contaminação bacteriana.

Dental x-ray